sexta-feira, 13 de setembro de 2013

Sobre silêncios: O bobo

O bobo anda na rua
Sobe a calçada
Tem gravata
Tem chinelo
Usa cinto
Usa martelo
O bobo não a olha
Não a conhece
Diz bom dia
Ela não agradece
O bobo não contente
ofende
Ela não o conhece
O bobo sorri
Ela corre
Muda a direção
Libertação
Atravessa a avenida
Dobra a esquina
O bobo a chama
Vadia?

Ela não o conhece.

Um comentário:

  1. O bobo está em qualquer lugar, na roda de amigos e principalmente na política.

    ResponderExcluir